R$ 4,8 bilhões são sonegados por ano na distribuição de combustíveis

Estudo da FGV mensura o rombo da sonegação de impostos no setor.

O jornal Valor Econômico noticiou no último dia 25 de setembro que estudo da Fundação Getulio Vargas (FGV) estima que ao menos R$ 4,8 bilhões são sonegados por ano no mercado de distribuição de combustíveis.

De acordo com o estudo da instituição, o montante é relativo ao não pagamento de ICMS aos Estados somente ao longo do ano de 2016. Leia mais aqui.